A falsa definição vetorial de libertarianismo


#1